Segunda-feira, 28 de Janeiro de 2008

O RETORNO DE FAUSTO

Quinta, 31 de Janeiro, 21.00

Sexta, 1 de Fevereiro, 19.00

 

 

O RETORNO DE FAUSTO

Depois da obra coral-sinfónica de Liszt, em Outubro passado, a Orquestra Gulbenkian retoma o mito de Fausto na sua programação, com Schnitke e Mendelssohn

 

Coro Gulbenkian

Orquestra Gulbenkian

Rolf Beck Maestro

Yvonne Naef  Meio-Soprano

Daniel Taylor Contratenor

Stefan Vinke Tenor

Daniel Sumegi Barítono

 

 

Alfred Schnittke

Cantata Fausto

Felix Mendelssohn-Bartholdy

Die erste Walpurgisnacht (A primeira noite de Walpurgis), op.60

 

 

Fausto é duplamente evocado neste concerto em duas cantatas da autoria de dois compositores de ascendência germano-judaica, mas, de resto, muito diferentes entre si. São eles o germano-russo Alfred Schnittke (1935-1998) e o berlinense Félix Mendelssohn (1809-1847). Se a poética musical do primeiro está contaminada pelo drama, na do segundo prevalece um certo optimismo racionalista e de dimensão colectiva, particularmente evidente nas suas obras de grande formato. Em consequência, as respectivas leituras faustianas extraem elementos muito diferentes do mito original

Na cantata de Schnittke, deparamo-nos com a fascinação que o compositor cultivou durante toda a sua vida pela personagem. A sardónica narração da descida aos infernos de um Fausto absolutamente desprezível é feita a partir da manipulação de estilos musicais diversos, que vão da polifonia renascentista ao tango. Cabe mencionar que esta cantata foi concebida como uma espécie de estudo para a ópera que Schnittke escreveria mais tarde sobre o mesmo tema, considerada uma das obras musicais mais importantes da última década do século passado. Por seu turno, Mendelssohn transforma o fantástico episódio da noite de Walpurgis numa espécie de alegoria do saber heterodoxo, tendo sido muito admirada na sua época, nomeadamente por Hector Berlioz.

Para além do Coro e da Orquestra Gulbenkian, dirigidos por Rolf Beck, participará neste concerto um quarteto de excelentes solistas formado pela meio-soprano Yvonne Naef, pelo contratenor Daniel Taylor, pelo tenor Stefan Vinke e pelo baixo Daniel Sumegi.

Uma hora antes do concerto de sexta-feira, dia 1 de Fevereiro, Carlos de Pontes Leça fará um comentário sobre este programa (Auditório 3, 18h).

Para mais informação sobre o mito de Fausto, consultar os artigos “O Mito de Fauto” e “Fausto na Música”, de Carlos de Pontes Leça, na rubrica Pontos de Vista, do webzine Not@s Soltas (www.musica.gulbenkian.pt/notas_soltas).

 

 

 

José Luís Figueira

Publicidade e Promoção

Serviço de Música

publicado por lamire às 19:07
link do artigo | comentar | favorito

.pesquisar

.Julho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.artigos recentes

. Indisponibilidade

. Notícias SemiBreves

. Casa da Música

. Eborae Musica - Julho (12...

. Prémio Magisterium atribu...

. Notícias breves

. Portugal Jazz Penela //11...

. Notícias breves

. Notícias breves

. Fundação Calouste Gulbenk...

. Coral Encontro

. Novo Director Artístico d...

. Músicas dos quatro cantos...

. Viana Music Festival-Wind...

. Notícias breves

. Notícias breves

. Museu da Música - Lisboa

. Homenagem a Guilhermina S...

. Casa da Música

. Notícias breves

. Distância e proximidade n...

. Outras Notícias da Música

. Casa da Música - Menino-p...

. Eborae Musica

. Curso de Música Antiga da...

.arquivos

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.Assuntos

. todas as tags

.links

.participar

. participe neste blog

.subscrever feeds